Pedro Arroja prepara-se para se confessar a Sua Eminência – Ezequiel, Bispo de Barcelos.

Consta que este terá exigido ao ilustre académico que se coloque na posição apropriada, juntamente com o teclado.

Depois disso, outro galo nos cantará.