Quando a realidade ultrapassa a ficção, podem aparecer valentes iconoclastas a enfrentar a máfia dos beija-cus.

Neste caso, pagou caro pelo crime de lesa-majestade mas, como diria o saudoso César Monteiro, o que é preciso é dar-lhes trabalho.

O ex-juiz Pimenta, dá-lhes. E com força, em recursos que depois deixam de estar acessíveis nas páginas online da DGSI.

O que vale é que, à custa de um tiro do pé jacobino, o caso saltou para a blogosfera e já houve talento informático para recuperar o acórdão.

Aqui ficam umas passagens com ironia ímpar:

O Supremo Tribunal Administrativo é uma loja maçónica criada, instalada, dirigida e presidida por maçons – como, aliás, o Supremo Tribunal de Justiça é uma loja maçónica, criada e instalada por maçons, em aplicação do disposto no Ritual do Grau 27, e sendo o seu primeiro presidente — B… — e seguintes igualmente maçons.

5ª Acresce que os maçons do Supremo Tribunal Administrativo, sendo-lhes perguntado «Sois Preboste e Juiz?», respondem invariavelmente «Distribuo justiça a todos os obreiros sem excepção».

6 ª Aliás, em virtude dos benefícios que resultam de se saber que o Supremo Tribunal Administrativo é uma loja maçónica, só por mero lapso ou falta de tempo se compreende que isso não seja amplamente divulgado e que os maçons do Supremo Tribunal Administrativo e outros não tenham dado a conhecer essa sua excelente qualidade, nem sequer às respectivas mulheres e família — sendo por isso que, para suprir a lacuna, o recorrente divulgará brevemente as listas dos juízes maçons, em benefício do povo, do Supremo Tribunal Administrativo, da Maçonaria e dos maçons, através da Internet e outros meios, e incluirá também os magistrados do Ministério Público e Procuradores-Gerais da República, como D…, e arguidos, como E…, F…, G…, H…, etc.

7ª Naturalmente, também não serão esquecidos os apresentadores de televisão e os homens do teatro, como I… e J….

Leia-se o acórdão do STA datado de 14 de Janeiro transacto – (entretanto bloqueado) aqui . E anterior, igualmente bloqueado, depois de ter sido colocado online, Adoradores de GADU

Para seguir a novela e o thriller, basta ir às caixinhas do Blasfémias .

.……………..
Acrescento: o post do Blasfémias foi “puxado para cima” e inclui agora uma nota.
……………..
Novo acrescento: Os nomes que estavam tapados no acórdão online, já foram divulgados por um nick “escrivão” que tem o documento em papel e os largou na caixa de comentários.

Aqui ficam:
A = JOSÉ DA COSTA PIMENTA
B = SILVA CARVALHO
C = ANTÓNIO ARNAUT
D = CUNHA RODRIGUES
E = CARLOS CRUZ
F = JORGE RITO
G = PAULO PEDROSO
H = ISALTINO MORAIS
I = FILIPE LA FÉRIA
J = NICOLAU BREYNER
L = SANTOS SERRA

Confirmar aqui .
…………………..
Nova adenda (29-1): O Correio da Manhã lá pirateou a notícia, mas agora bloqueiam todos os comentários que incluírem o link para o Blasfémias, de onde a retiraram.

Naa, nem há cilício nesta cena.

Esse é um mito que serve para os aventais bodegarem com aura de santidade.

Avental vs Cilício

pagava para ver esse filme…

Comments are closed.