Em nome dessas palavras caras e universais- a Liberdade neotonta ou maoísmo reciclado é sempre igual:

censura da hiena de matos

Não irira tão longe. Agora duas coisas são verdade: essa trampa já cá se infiltrou, e está na Lusófona com acordo de estudos e em Angola e a Lusófona está a querer escapar a este caso pois financia a dita COPA.

Tirando o VPV, que foi objectivo, anda para aí meio mundo a confundir tudo e a tapar a responsabilidade das universidades no financiamento a estas coisas.

E esta cretina continua igual. Vai e censura-me.
Só não creio que seja pelo facto de também andar na vassoura de avental, mas por ser congenitamente estúpida.
“:OP

  • selvalusa

É só juntar as peças.
http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=98526

Comments are closed.