“O Olimpo e os seus habitantes cabem nesta palavra: infância. A mocidade é já velhice, política, profissão, e uma certa loucura em que ardem ignobilmente os últimos farrapos do nosso ser divino. A infância é uma saudade e a mocidade um remorso”.
Teixeira de Pascoaes, Duplo Passeio.

Pois é.

A infância é uma sempre presença. E nela cabe toda a nossa vida.

Comments are closed.